Monday, June 11, 2018

acreditar


Sorrir sem sorrir. Dizer palavras animadas, enquanto o coração pulsa apertado. Viver em dois mundos: por fora firme divertido, por dentro amargo desequilibrado. De noite, quando a cabeça encontra o travesseiro, a verdade vem à tona. Primeiro algumas lágrimas, depois a esperança. Há esperança. Sempre há. Sorri sorrindo. Acreditar.

Thursday, June 07, 2018

chove cá dentro


Chove lá fora e cá dentro também. Dentro de mim. Ouço os trovões e sinto relampear. É uma tempestade daquelas. Amigos e parentes não fazem ideia do vendaval que sacode minha alma. Nem queiram fazer: meu veleiro está além de seus horizontes, em águas que devoram tudo o que é comum. Meu peito grita. Lá fora já não chove mais, cá dentro sim.